Esmal - 21/05/2018 - 18:39:41
III turma da capacitao de mediadores e conciliadores inicia estgio supervisionado
Cursistas em formao iro prestar, at outubro, 60 horas de atendimento no CJUS, sempre orientados por profissionais experientes

Allan Muniz foi um dos servidores do TJ/AL contemplados com a iseno da taxa de inscrio do curso. Allan Muniz foi um dos servidores do TJ/AL contemplados com a iseno da taxa de inscrio do curso. Foto: Rebecca Bastos

Os participantes da terceira turma do curso de Capacitao, Formao e Aperfeioamento de Mediadores e Conciliadores Judiciais, promovido pela Escola Superior da Magistratura de Alagoas (Esmal) tm at 31 de outubro para concluir o estgio supervisionado da qualificao. Nesta etapa prtica, os cursistas iro prestar 60 horas de atendimento a pessoas envolvidas em casos reais no Centro Judicirio de Soluo de Conflitos e Cidadania (CJUS). 

Em 2017, a ltima turma da capacitao teve uma experincia semelhante, na qual os cursistas em treinamento contriburam com o mutiro de mediao e conciliao do Ncleo Permanente de Mtodos Consensuais de Soluo de Conflitos (NJUS) do Tribunal de Justia de Alagoas (TJ/AL). Na oportunidade, eles ajudaram a realizar mais de 1.600 audincias em trs meses, das quais 65% foram finalizadas com acordos entre as partes. 

Neste ano, foram oferecidas 32 vagas para qualificao. Destas, seis foram ocupadas gratuitamente por magistrados e servidores do Tribunal de Justia de Alagoas (TJ/AL) que comprovaram que atuavam diretamente com a conciliao e mediao em suas funes. 

Allan Rafhael Muniz de Oliveira, servidor do TJ/AL h cinco anos, foi um dos contemplados com a iseno da taxa de inscrio do curso. Graduado em Administrao e concluindo o curso de Direito, ele j acompanha algumas audincias, mas viu na capacitao uma oportunidade para aperfeioar os seus conhecimentos e contribuir com a produtividade da secretaria do CJUS, onde trabalha. 

Como utilizar as tcnicas da forma correta, os posicionamentos que devemos tomar em cada situao. O papel do mediador numa situao de conflito facilitar as relaes das pessoas, com impacto direto na vida delas, disse Allan sobre o que aprendeu na fase terica do curso, que aconteceu na Esmal entre os dias 7 e 11 de maio.


Pedro Alves (de camisa xadrez roxa) acredita que a mediao e a conciliao devolvem a autonomia para as partes em conflito. Foto: Rebecca Bastos

Selo de qualidade

A Esmal a nica instituio de Alagoas reconhecida para oferecer cursos de mediao judicial. A habilitao atribuda pela Escola Nacional de Formao e Aperfeioamento de Magistrados (Enfam) e uma  garantia de que so cumpridos requisitos como idoneidade, qualificao tcnica e pedaggica para oferecer capacitaes dessa natureza. Assim, fica assegurado que egressos das escolas reconhecidas podero ser aproveitados pelos tribunais de justia estaduais na composio de seus cadastros de profissionais. 

O curso promovido pela Esmal reproduz o caminho que o Direito tem trilhado, no qual o foco retorna para as pessoas. Quando nos dispomos a gerir conflitos sociais, temos que ter a clareza de que estamos lidando com gente. Se as resolues dos conflitos so impostas pelo Judicirio, podemos at bater as metas, mas no resolvemos efetivamente os conflitos. Quando eu devolvo essa autonomia, atravs da mediao, para as partes, isso significa uma mudana de rota, ressaltou o cursista Pedro Alves, advogado graduado h trs anos.

Embora os bacharis em Direito sejam a maior parte dos integrantes da turma, profissionais de outras reas tambm aproveitaram a oportunidade se capacitar em conciliao e mediao pela Esmal. Alexsandra Amaral dos Santos, formada em Psicologia, viu no curso uma oportunidade melhorar a sua atuao como ouvidora de uma instituio de ensino superior. 

Trabalho h um ano e meio nessa funo e posso dizer que a coluna vertebral do que fao est na mediao. Apesar de ter sido treinada pelo meu superior, um ouvidor muito  experiente, quis buscar tcnicas para embasar o meu desempenho, pois muito do que eu fazia era de forma instintiva, relatou Alexsandra, que revelou estar animada para iniciar a fase prtica da formao.   

Carolina Amncio - Esmal TJ/AL

imprensa@tjal.jus.br - (82) 2126-5378


Curta a página oficial do Tribunal de Justiça (TJ/AL) no Facebook e acompanhe nossas atividades pelo Twitter. Assista aos vídeos da TV Tribunal, visite nossa Sala de Imprensa e leia nosso Clipping. Acesse nosso banco de imagens. Ouça notícias do Judiciário em nosso Podcast.